Entrada
Entrada
O Centro
Investigação
Investigadores
Actividades Destaques 2015-2018 2014-2011 2010-2007 2006-2003 2002-1999
Formação
Publicações
Biblioteca
Redes Internacionais
Recursos Electrónicos
Call for Papers
Boletim
Ligações úteis
Contactos

English VersionCEC no FacebookCEC no YouTube
Entrada seta Actividades seta 2006-2003 seta ACT 14 - O Grande Terramoto de Lisboa: Ficar Diferente

ACT 14 - O Grande Terramoto de Lisboa: Ficar Diferente

Colóquio Internacional
Data:
 2 e 3 de Novembro, 30 de Dezembro de 2005 
Local: Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa e Fundação Cidade de Lisboa


O Centro de Estudos Comparatistas, em colaboração com a Faculdade de Letras de Lisboa e a Fundação Cidade de Lisboa, vai organizar nos próximos dias 2 e 3 de Novembro de 2005, um Colóquio Internacional “O Grande Terramoto de Lisboa: Ficar Diferente”, assinalando o 250º Aniversário do Terramoto de 1755.

Este Colóquio contará com a presença de individualidades estrangeiras e portuguesas com trabalho realizado na área.

Lista de Convidados

Conferencistas Plenários
- Anibal Pinto Castro , Universidade de Coimbra - O Terramoto de Lisboa: Entre o Pecado Barroco e o Resgate Iluminista
- Susan Neiman, Directora do Einstein Forum - What Natural Evils? Lessons of Lisbon

Professores Convidados

  • António Ribeiro, Universidade de Lisboa
  • Carlos Reis, Universidade de Coimbra
  • Estela Vieira, Universidade de Yale
  • Fátima Marinho, Universidade do Porto
  • Fernando Cabral Martins, Universidade Nova de Lisboa
  • Jean-Paul Poirier, Institut de Physique du Globe de Paris
  • José Pedro Serra, Universidade de Lisboa
  • Kenneth David Jackson, Universidade de Yale
  • Maria João Brilhante, Universidade de Lisboa
  • Monika Schmitz-Emans, Universidade de Bochum
  • Paula Morão, Universidade de Lisboa
  • Paulo de Medeiros, Universidade de Utrecht
  • Pedro Eiras, Universidade do Porto
  • Raul Antelo, Universidade Federal Santa Catarina
  • Renato Cordeiro Gomes, Universidade do Rio de Janeiro
  • Sergia Adamo, Universidade de Trieste
  • Susan Bassnett, Universidade de Warwick
  • Svend Erik Larsen, Universidade de Aarthus
  • Teresa Barata Salgueiro, Universidade de Lisboa
  • Theo D’haen, Universidade de Leuven
  • Vítor Serrão, Universidade de Lisboa
  • Xosé Manuel Dasilva, Universidade de Vigo

Lista de participantes, títulos e resumos de comunicações

  • Alexandra Trindade Gago da Câmara, “A Nostalgia de um Património Desaparecido: Uma Obra Emblemática de Encomenda Régia na Lisboa do XVIII: A Real Ópera do Tejo”
  • Aline Gallasch-Hall, “A Ópera do Tejo: uma Possível Reconstituição Espacial e o Impacto do Terramoto numa Estrutura Cultural de Imagem”
  • Ana Cristina Martins, "O Teatro Romano de Lisboa ou a (In)diferença Portuguesa" Ana Fernandes, “O terramoto de Lisboa: tema de uma querela”
  • Ana Filipa Prata, “Efeitos de Sentido e Efeitos de Presença do Terramoto de Lisboa de 1755 em Lilias Fraser, de Hélia Correia”
  • Ana Leitão, “As Vésperas do Terramoto pelo Olhar de um Francês” Ana Sofia Calado, "Ecos da Desventura: o Terramoto de 1755 nos Anos de Novecentos"
  • António Betâmio de Almeida, “O Significado do Sismo de Lisboa de 1755 no Contexto Genésico da Actual Gestão do Risco”
  • Begoña Fernández Rodriguez, “ A Recuperação da Memória Perdida. A Incidência do Terramoto de Lisboa no Património Cultural da Província de Ourense (Galiza, Espanha)”
  • Clara Sarmento e Alexandre Cardoso, "O Terramoto de 1755 e a sua Influência nos Ecossistemas da Laguna de Aveiro"
  • Cláudia Coutinho, “ «Isto dá cá muitas vezes?». Os Terramotos de Lisboa em Casas Pardas, de Maria Velho da Costa”
  • Cristina Fernandes, “O Terramoto de 1755 e as suas Implicações na Organização da Prática Musical na Capela Real e na Patriarcal”
  • Filomena Amador, “Análise de Diversas Tentativas de Explicar as Causas Naturais do Terramoto de Lisboa de 1755. O Papel Retórico das Novas Concepções e Métodos Científicos, em Particular da Experimentação, em Textos Portugueses e Espanhóis da Época”
  • Gabriela Gândara Teneras, “Os Centenários do Grande Terramoto de Lisboa na Imprensa Portuguesa: 1855 e 1955”
  • Gonçalo Plácido Cordeiro, “As Cidades do Mal e a Profecia do Grande Terramoto”
  • Helena Águeda Marujo e Luís Miguel Neto, “As Consequências Psicológicas do Grande Terramoto de 1755: Uma Abordagem Psico-Histórica”
  • Inês Cordeiro Silva, “A Reconstrução Depois da Catástrofe: O Caos como Condição de uma Nova Ordem”
  • Isabel Maria Peixoto Braga, “«Um Longo Terramoto»: Peça de Teatro Escrita e Representada por uma Turma de 6º Ano na Área de Projecto”
  • Isabel Santos, “Repercussões do Terramoto de Lisboa de 1755 na Evolução do Culto a Santo António”
  • Jan T. Kozak, "Pictorial Heritage of the 1755 Lisbon Earthquake"
  • Júlia Garraio, “ O Último Dia de Günter Eich. 1755, pretexto para 1955”
  • Manuela Santos Silva e Maria do Carmo Teixeira Pinto, "Alterando a morfologia e a alma da cidade: como foram sentidos em Lisboa os terramotos anteriores a 1755 "
  • Margarida Louro, “Memória da Cidade Destruída”
  • Margarida Valla, "Catástrofe e Utopia: a regularidade cartesiana na engenharia militar portuguesa"
  • Maria Adelina Amorim, "O Sentir e o Sentido do Terramoto de Lisboa no Brasil – incursão histórica"
  • Miguel Real, “Ficção Portuguesa Recente sobre o Terramoto de 1755”
  • Paulo Simões Rodrigues, “O Terramoto e a Génese da Consciência de Património em Portugal”
  • Tiago Bartolomeu Costa, “Olhar o Outro: O Público de Teatro em 1755”





| Imprimir | Adicionar aos Favoritos |

Centro de Estudos Comparatistas da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa
conteúdos: © 2006 - 2017, Centro de Estudos Comparatistas
textos assinados: © autor respectivo