Entrada
Entrada
O Centro
Investigação
Investigadores
Actividades Destaques 2015-2018 2014-2011 2010-2007 2006-2003 2002-1999
Formação
Publicações
Biblioteca
Redes Internacionais
Recursos Electrónicos
Call for Papers
Boletim
Ligações úteis
Contactos

English VersionCEC no FacebookCEC no YouTube
Entrada seta Actividades seta 2015-2018 seta Conferência de Étienne Balibar: "Fronteiras Globais, Fronteiras Locais: Da Guerra à Paz e Retorno?"

Conferência de Étienne Balibar: "Fronteiras Globais, Fronteiras Locais: Da Guerra à Paz e Retorno?"

Data: 2 de Julho de 2016
Hora: 18h30
Local: Largo de São Paulo

Esta conferência realiza-se no âmbito da programação do Festival Silêncio'16 e resulta de um convite feito em colaboração com o CEC (Grupo LOCUS). A apresentação do filósofo e professor Étienne Balibar estará a cargo de José Neves.
 
Resumo:
Aqui, em Lisboa, encontramo-nos numa das fronteiras históricas e culturais da Europa, onde espaços, pessoas, culturas se movimentaram para dentro e para fora, se misturaram, se confrontaram, inventaram as suas formas. Mas o significado de “fronteira” atravessa  uma transformação radical, que destabiliza as nossas representações do mundo, a nossa percepção de identidades, as nossas definições de paz e conflito. Com a ajuda de alguns mapas e narrativas e pondo em destaque, alternativamente o local (europeu) e o global (e globalizado), a sessão tentará explicar o que as fronteiras eram e no que se estão a tornar para aqueles que vivem dentro e entre elas.

Étienne Balibar (1942) é professor emérito de Filosofia Moral e Política na Universidade de Paris X-Nanterre, Paris, e Anniversary Chair de Filosofia Europeia Moderna na Universidade de Kingston, em Londres. Leccionou em instituições como a Universidade da Califórnia, Irvine; Universidade Columbia, Nova Iorque; Calcutta Research Group, Calcutá; e Universidade de Buenos Aires. Entre as suas preocupações centrais estão as problemáticas da cidadania europeia, a noção de fronteira, e a violência e identidade na política. Os seus vários livros incluem: We, the People of Europe? Reflections on Transnational Citizenship (2004); Politics and the Other Scene (2002); Equaliberty, Political Essays (2014); e o inovador Reading Capital (1965). Balibar vive e trabalha em Paris e Nova Iorque.





| Imprimir | Adicionar aos Favoritos |

Centro de Estudos Comparatistas da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa
conteúdos: © 2006 - 2018, Centro de Estudos Comparatistas
textos assinados: © autor respectivo