Entrada
Entrada
O Centro
Investigação
Investigadores Membros Integrados Investigadores em Formação Colaboradores
Actividades
Formação
Publicações
Biblioteca
Redes Internacionais
Recursos Electrónicos
Call for Papers
Boletim
Ligações úteis
Contactos

English VersionCEC no FacebookCEC no YouTube
Entrada seta Investigadores seta Investigadores em Formação seta Pedro Vieira de Moura

Pedro Vieira de Moura

Doutorando em Estudos Comparatistas


English Version

E-mail:
Este endereço de email está protegido contra spam bots, pelo que o Javascript terá de estar activado para poder visualizar o endereço de email


Website:

    www.lerbd.blogspot.com,
    www.reirrubro.org (em construção) 


    Nota biográfica:

      Pedro Moura (Mestre, Univ. Nova de Lisboa, 2009) é aluno de doutoramento do Programa em Estudos Comparatistas da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, onde elabora um projecto de tese sobre Estudos do Trauma e Banda Desenhada Portuguesa Contemporânea (co-tutela da Universidade Católica de Leuven – Bélgica). Obteve o grau de mestre em Filosofia (Estética) pela Univ. Nova de Lisboa, com uma tese sobre Memória na Banda Desenhada francófona contemporânea. O seu principal interesse é o estudo da produção de banda-desenhada internacional contemporânea, em particular na forma de longas narrativas e bandas desenhadas experimentais, apesar de também trabalhar em ilustração e animação (e, ocasionalmente, literatura). Nessa área, ele trabalhou como tradutor, editor, documentarista e professor. Foi curador da exposição Tinta nos Nervos, que teve lugar no Museu-Colecção Berardo, e é coordenador da Conferência de Banda-Desenhada em Portugal. Também escreveu para documentários televisivos, teatro musical e animação, e escreve regularmente recensões críticas (tanto sobre banda desenhada como estudos académicos) no seu próprio blogue.


      Publicações seleccionadas:

      Curriculum Vitae






      | Imprimir | Adicionar aos Favoritos |

      Centro de Estudos Comparatistas da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa
      conteúdos: © 2006 - 2018, Centro de Estudos Comparatistas
      textos assinados: © autor respectivo