Entrada
Entrada
O Centro
Investigação
Investigadores
Actividades
Formação
Publicações
Biblioteca
Redes Internacionais
Recursos Electrónicos
Call for Papers
Boletim
Ligações úteis
Contactos

English VersionCEC no FacebookCEC no YouTube


O cinema que faz escrever. Textos críticos
Image Autor: Serge Daney
Organização: Clara Rowland, Francisco Frazão, Susana Nascimento Duarte

Edição: angelus novus
Ano: 2015

Esta antologia pode e não pode inscrever-se na coincidência entre livro e biografia que Serge Daney sempre procurou quando quis publicar recolhas dos seus textos críticos: entre os acidentes da cronologia e uma ideia de unidade, joga com um Daney no livro e fora do livro. Começando em flashback, pelo começo que é o fim ("O travelling de Kapò"), mantendo em cada secção uma organização cronológica, mas fazendo da antologia um não-livro, no sentido em que nenhuma das suas peças se subordina inteiramente a uma narrativa maior: livros de críticas, cada uma delas vale enquanto forma, arte, ideia de cinema e pretexto para fazer o diagnóstico do estado actual do cinema e do mundo. As críticas de Daney são portáteis, simultaneamente  e ágeis; têm preocupações recorrentes mas distinguem-se pela maleabilidade com que reagem aos filmes que as provocam: É muito tenística, esta ideia de que seria escandaloso que o serviço não fosse seguido de uma resposta ao serviço. Eu não fui um grande servidor, mas, creio, fui bom nas respostas, como o Jimmy Connors." Exigindo também ela resposta, a obra de Daney (nunca traduzida em livro em Portugal) é escrita de cinema e cinema por escrito: para ler mas também para fazer escrever.

Esta publicação está associada ao projecto Falso Movimento (Grupo THELEME). 






| Imprimir | Adicionar aos Favoritos |

Centro de Estudos Comparatistas da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa
conteúdos: © 2006 - 2017, Centro de Estudos Comparatistas
textos assinados: © autor respectivo